Otaku Daisuki
Bem vindo ao Otaku Daisuki.
Conecte-se ou faça seu cadastro.

Rainbow of Promises (pokémon Special, RedXOC)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Rainbow of Promises (pokémon Special, RedXOC)

Mensagem por Pearl_Ookami em Sab Nov 14, 2009 9:48 pm

Finalmente, o último dos três!
--






Rainbow of Promises



Gênero: Romence/Drama/Songfic
Fandom: Pokémon Special
Música usada: Chikai- Shimamiya Eiko (clique no nome da música para ouvir)
Casal: FireOpalShipping (RedXOpal, RedXOC)-

Warnings! OC alert!
Disclaimer: Pokémon e o Red são de um outro
cara aí!



--


Após seis meses depois de
Time of Dying,Red e Topaz acham Opal num lugar inusitado, mergulhada em
lembranças e não se parecendo em nada com seu velho eu...



--


Há quanto tempo eles estavam ali, mesmo?Red já não sabia
mais.Mas isso não importava naquele momento, pois os Dex Holders finalmente
acharam o paradeiro de Opal Darknight: O Monte Silver, em Johto.Coincidentemente,
o lugar onde Red se consagrou ao máximo.


O jovem coçou a cabeça:Fazia tempo que Opal não dizia mais
nada sobre si mesma nas cartas que mandava.Como ela estava no momento, ele não
sabia dizer.Suas cartas eram sem emoção alguma, como um artigo de jornal,
apenas relatando os fatos.O que ele não gostaria mesmo de ver era uma Opal
ainda mais depressiva, e ele rezava para Arceus que a garota ainda tivesse
algum juízo na cabeça.


Opal, de todas as pessoas que ele conhecia, era a que tinha
mais chances de perder a cabeça, mas ele ainda confiava nela.Ele tinha de
confiar.Não porque era seu trabalho como mentor e veterano, mas porque ele
sabia que ainda havia esperanças.Ou pelo menos era nisso que ele queria
acreditar.


“Red!Encontrei uma rota na qual podemos passar!” O garoto
chacoalhou a cabeça, vendo Topaz Turner acenar para ele,levantando-se e
caminhando até a nova rota.





Opal...pelo amor de
Arceus, esteja bem!



--


yamanai ame ga binetsu wo haramu
itami no naka de “iya da iya da kore janai” tte
demo ne… WAKATTETA
demo ne… KIMOCHI II
watashi kawaisouna jibun ga sukinda



--


Essa chuva sem fim cai febrilmente,


E entre a dor eu digo: “Não!Não!Não é isso!”


Você sabe...eu sempre soube...


Você sabe...é tão bom...


Eu gosto do meu eu miserável!


--


Há quanto tempo ela estava lá, parada, sentindo aquela chuva
sem fim?Opal já não sabia mais.Mas não importava.Aquele era o lugar.Monte
Silver.O lugar onde Red havia se consagrado, e também o local de seis meses de
treinamento árduo.Doía ficar tão longe de seus amigos, ainda mais por decisão
própria, mas era preciso.Não só pelas habilidades em si, mas também para si
mesma.


Opal sorriu, afastando uma mecha de seu cabelo molhado do
rosto. Era engraçado como ela pensava tão mal de si mesma, quando perto de Red,
ou de algum Holder.Mas, quando sozinha, ela se sentia bem.Algum problema com
autoridades, talvez?Ela não saberia dizer.Seu eu perto de autoridades era bem
engraçado,sem dizer irônico,quando ela estava desta maneira, sozinha.


“Rotom, Trovão.Agora.” O pequeno Pokémon, que estava
flutuando por aí, fazendo barulhinhos de estática toda vez que seu corpo de
plasma entrava em contato com a chuva,rapidamente fez o um raio que caiu do céu
com um estrondo.Quando o pequenino virou-se, satisfeito com o progresso, seus
olhos captaram uma escuridão no rosto de sua treinadora.


“A quem eu estou tentando enganar...?”


“Rou?”


“Você não ouviu?Red está aqui, ele gritou um palavrão quando
o trovão caiu.”


Silêncio.


Opal chacoalhou os ombros violentamente, e Rotom se
aproximou,sua face preocupada.Sua dona estava...


...Rindo?


--

hageshii ame ha agari chikai no
niji ga kakaru
umarekawareta toki kimi ga mata soba ni itekuretara
tokei no hari ga nido to kako ni modoranu youni
nureta ASUFARUTO ni tatakitsukereba
juusei no youna Final



--


A violenta chuva parou e o Arco-Íris de Promessas irá logo sair.


Quando eu renascer, se você estiver comigo novamente,


Esperarei que os Ponteiros do Tempo não voltem ao passado.


Se eu acertasse uma estrada de asfalto,


Como um tiro, tudo estará em seu Final!


--


Topaz estacou.


Red bateu em suas costas.E caiu.


“Ei, Topaz, o que...”


Ele cortou a própria frase, quando o outro jovem abriu
espaço para ele passar.


Rapidamente, Red viu uma figura por fora da entrada do túnel,
mas esta, quando percebeu a invasão, fugiu rapidamente.


Era Opal, molhada de chuva, arranhões se destacando em sua
pele e suas roupas.Um sorriso estava em seus lábios, e seu Rotom flutuando
alegremente ao lado da treinadora.


“Topaz, vá buscar ajuda.Eu fico aqui.” Red ordenou.


--


A garota só sorriu para os dois jovens, pois era isso que
ela vinha querendo fazer desde seis meses atrás.Ela havia mudado, com
certeza.Ela vinha treinando não só a seus Pokémon e a si mesma, ela treinou sua
mente,e resolveu deixar todos seus sentimentos negativos para os fantasmas que
ela treinava.


Ela queria esquecer tudo, aquele diário, aquele coma, aquela
Opal.Ela só podia esperar que a chuva em seu coração acabasse, e um arco-íris
se formasse.E os ponteiros do relógio nunca mais voltariam aos tempos chuvosos
e nublados de antes.E o arco-íris do presente...seria um arco-íris de
promessas.


Mas as dúvidas restavam.E Red, mesmo sem querer,simbolizava
estas dúvidas.Opal só queria ficar longe dele, por enquanto.Então,ela só seria
uma covarde e fugiria.


--

musuu no kizu ga omoide wo kou
itami ha sakebu “kesshite wasurenaide ite” tte
demo ne…TA I MU RI MI TTO
mou ne.. TSU KA RE TA YO
watashi kanashimi ha dare ni mo hikiwatasanai!


--

Essas inúmeras cicatrizes me
trazem velhas memórias,


Minha dor grita: “Você nunca
esquecerá...”


Mas você sabe...há um tempo
limite


E você sabe...Estou muito cansado

Eu...Eu não irei entregar essa
tristeza a ninguém!



--


Opal pulou na última pedra que precisava e sentou-se,exausta.Seu
Rotom já estava seguro dentro de sua Poké Bola, então não havia mais com o que
se preocupar...


A não ser os dois jovens correndo atrás dela pela montanha.


A jovem suspirou; iria morrer jovem, daquele jeito!Com toda
aquela correria e aquelas cicatrizes...


Opal passou a mão pelo braço e sentiu a cicatriz que havia
sido deixada quando Giratina havia possído seu corpo, e Red o derrotou, quase
custando a vida do garoto no processo.Todas as memórias que ela teve tanto
trabalho para esquecer voltaram com toda a força.OK, talvez ela não tenha
esquecido...e talvez nunca fosse esquecer.


Mas aquelas memórias não importavam mais.


Nem Red...Nem ninguém.Ninguém mais iria sofrer com seu
egoísmo.


No entanto, sua mão foi parada por algo quente.


--


nigirishimeta te to te ga chikai no akashi dakara
shinjiru koto uketoru koto hajimete shiru ki ga shita
raimei ha sora no hate toosugite kikoenai
ima ha kimi no nukumori dake kanjite
me wo tojireba Final



--


Por causa de nossas mãos dadas, o símbolo de nossa Promessa,


Eu acho que comecei a entender no que acreditar e o que aceitar.


Trovões bradam no céu...mas não os ouço, estão longe.


Tudo o que sinto agora é o seu calor.


Se eu fechar os olhos, tudo estará em seu Final!


--





“R...Red!!”


Opal virou-se,O garoto era, de fato,Red.,que segurava sua
mão com força.


“Opal...Você vem com a gente.” A garota notou que não era
uma pergunta, e sim uma afirmação.Mas nem por isso ela deixou o braço a torcer.


“Nem vem, Red! Eu nem estou preparada para isso!Quer ter uma
batalha aqui e agora para ver?” Opal afastou o cabelo dos olhos, em um
movimento um tanto arrogante. Porém, Red apenas riu, coisa que fez Opal parar.


“Acha que eu vou cair nisso,Opal? Eu te conheço, por mais
que você diga que tenha mudado.”


Silêncio. Opal apenas parada, Red começando a ficar
desconcertado.O garoto começou a arrumar os longos cabelos negros que, com a
chuva, caíram em seus olhos.


“Opal... Você prometeu que ia voltar.” O Mestre Pokémon
murmurou discretamente.


Opal não pôde mais se controlar; riu da ironia da situação.Como
Red pareceu o garotinho de 11 anos de quando tudo começou!De quando ela e ele
sem querer se tornaram um!


“Red...Tudo bem, eu volto com você.Um dia.Hoje não.” A
garota soltou sua mão da dele e levantou-se.Red fez o mesmo, e, desta vez,
pegou as duas mãos de Opal.


“Não mesmo!” Opal não podia vê-lo,mas sabia que devia estar
fazendo uma careta de desgosto.”Vamos agora!Todos estão esperando por você!”


“Não,Red.Eu não tenho nada a ver com vocês!Não mais!”


Por aquilo,Opal não esperava.Uma das mãos de Red se soltou
das dela...e bateu com força em seu rosto.


“Ooparu baka baka BAKA!!”


---


dare ga tsumi to batsu wo hito ni ataeta no?
shiahisha ha doko ni mo inai
kanjou no dorei de itai dake



dareka no sei ni sureba raku ni ikirareru kara
watashi itsumo higaisha dake enjite ha naite ita yo



--


Quem nos mostrou o Pecado e a Punição?


Não há nenhum juiz por aqui,há?


Somos apenas escravos de nossas próprias emoções...


Se eu puser a culpa nos outros, viverei em paz...


Eu..eu sempre banquei a vítima e chorei...


--


“Todos querem te ver de novo!Eu sei o que você andou
pensando!Pare de ficar se culpando por tudo que acontece comigo, tá bom?Você é
como qualquer um de nós, falha também! Somos Dex Holders, e sempre seremos...Não
está na habilidade, e sim na alma!Temos de ficar juntos porque nos
completamos,todos os 16 de nós!”


O silêncio recebeu suas palavras.


“Eu... não bati forte demais não, né?” Red começou a ficar
arrependido, seus olhos de fogo voltando a suavizar.


Quando ele finalmente olhou para cima, ele encontrou
Opal...chorando. O garoto soltou-se instantaneamente da garota e agitando seus
braços incontrolavelmente.


“Waaah!C-Calma aí, Opal!Não precisava chorar!”


“Obrigada,Red...por tudo.”


Red incorporou o próprio nome, corando de desconforto.


“Ehh...”


--


ranhansha shita mama de ugokenaku naru yume ni
douka kimi ga inochi wo fukikonde hoshii
eien no youna Final



--


Minha reflexão desfoca em meus sonhos…vou me tornando imóvel...


Por favor...sopre vida em minha própria vida...


Senão, tudo estará em seu final...eternamente...


--


Opal estava com Red, já descendo a montanha, nenhum dos dois
falando nada de mais.A garota concordara em ir desta vez.


Red havia vencido.Como sempre.Opal não estava enraivecida
com isso,mas sim feliz.Ele havia vencido a escuridão em seu
coração.Novamente.Sem Pokémon ou violência, mas sim com seu próprio coração.E
era disso que ela precisava.Dele.Que ele injetasse toda sua energia em sua
alma.


Ela sabia que sem ele, ela teria perdido o controle.E ela
agradecia de todas as maneiras.Red foi a pessoa que a fez se descontrolar e ter
ódio,mas foi a mesma que conseguiu curá-la.


--


Quando os dois chegaram ao pé da montanha, todos os Dex
Holders estavam lá, de Blue a Emerald a Quartz.Todos comemoraram com
abraços,conversas.Mas existia apenas uma pessoa que parecia perturbada.


“Red,Opal...” Yellow apontou para os dois. “...porque vocês
estão de mãos dadas?”


Os dois se entreolharam e olharam pasa suas mãos.


De fato, estavam de mãos dadas.


“AAAAAAAAAH!”





--


Soshite mata...


-


E assim, novamente...
avatar
Pearl_Ookami
Otaku experiente
Otaku experiente

Feminino
Respeito às regras :
100 / 100100 / 100

País de Origem :
Localização : Distortion World, alimentando meu Giratina de estimação.
Número de Mensagens : 270
Idade : 22
円 (Yen) : 6861
Data de inscrição : 02/04/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum